CNPJ de MEI cancelado? Regularize a situação

Postado em 21/02/2018 – Fonte: Folha Vitória – Por: Andrea Pena

Mais de 1,37 milhão de microempreendedores individuais (MEIs) tiveram seus CNPJs cancelados por falta de pagamento e de prestação de contas à Receita Federal, no final de janeiro. O número equivale a 17% do total cadastrado no programa até o início do ano (7,8 milhões) e reflete a falta de conhecimento sobre as obrigações previstas. A presidente do Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis do Espírito Santo (Sescon/ES), Dolores Zamperlini, explica que uma vez cancelado, não existe como reativar o mesmo CNPJ. Para voltar a atuar, o empreendedor terá que realizar um novo cadastro como MEI. Nesse caso, se a atividade exercida pelo MEI exigir outras licenças e alvarás, em órgãos municipais ou estaduais, será preciso obtê-las novamente. Ela ainda esclarece que mesmo sem quitar as dívidas do CNPJ cancelado, o microempreendedor individual consegue realizar um novo cadastro no programa e se manter no mercado formal. “Mas é extremamente importante que o pagamento seja feito, pois todos os impostos, contribuições e penalidades permanecerão em aberto no CPF do titular”, alerta Dolores.

Compartilhe

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email