Você está aqui: DDuwe Contabilidade » Notícias

03 de abril de 2017 Nacional

Declare Certo orienta centenas de contribuintes no Estado

Postado em 03/04/2017 – Fonte: Sescap-PR

A ação do Sescap-PR também marcou o lançamento da campanha em âmbito nacional pela Fenacon

A ação do SESCAP-PR movimentou espaços públicos em Curitiba e mais oito cidades paranaenses. A orientação foi feita de forma gratuita por profissionais contábeis.

 Praças e espaços públicos registraram uma movimentação especial nesta sexta-feira, dia 31. Isso porque, pelo 14º ano consecutivo, o SESCAP-PR possibilitou que contribuintes paranaenses sanassem suas principais dúvidas sobre a Declaração do Imposto de Renda – Pessoa Física, com a orientação gratuita de profissionais contábeis. A ação voluntária ocorreu em Curitiba e nas cidades de Arapongas, Cascavel, Foz do Iguaçu, Francisco Beltrão, Guarapuava, Maringá, Pato Branco e Umuarama.

“Mais uma vez, ficamos satisfeitos com o atendimento em todo o Estado. É uma ação tradicional e que só possível graças ao trabalho voluntário dos empresários contábeis do Paraná que trocam suas atividades pela orientação gratuita à população”, afirmou o presidente Mauro Kalinke.

Aglacir Zaleski ficou sabendo da campanha por meio de um amigo. “O atendimento foi muito útil. Minhas dúvidas foram em relação à declaração de dependentes e de bens, como carro. Ainda não preenchi a declaração e, agora que esclareci esses pontos, vou fazer”, disse.

Cleuza Mottin, funcionária da Secretaria Municipal do Urbanismo, também esteve na tenda da Campanha Declare Certo, em Curitiba, para tirar dúvidas com empresários contábeis para concluir a declaração com segurança. “A declaração está pronta e, após tirar as dúvidas, vou enviar ainda hoje para à Receita Federal”, garantiu.

Lançamento nacional

A ação, em Curitiba, também marcou o lançamento da campanha Declare Certo em âmbito nacional, feito pelo diretor político parlamentar da Fenacon, Valdir Pietrobon. Ele lembrou que nesta sexta-feira a Campanha também foi lançada em 18 estados brasileiros, onde há SESCAPs e SESCONs, e que foi no Paraná que este trabalho começou em 2004. “É gratificante perceber a quantidade de profissionais que saem dos seus escritórios para oferecer informação e orientação de forma gratuita, ajudando a sociedade. A relevância social deste ato é o fator mais importante”, frisou.

Além disso, Pietrobon alertou que muitas pessoas caem na malha fina por cometerem erros simples. “É uma alegria estar participando deste trabalho maravilhoso. Só no ano passado tivemos mais de 771 mil declarações que caíram na malha fina no Brasil, então, se conseguirmos, por meio deste trabalho, tirar dúvidas e reduzir esse número em 10% já serão 70 mil declarações que deixam de cair na malha fina”, disse.

Profissionais contábeis voluntários

O contador e especialista em Direito Tributário, Marcelo Vitorino, atendeu a diversos contribuintes. Ele contou que as principais dúvidas foram em relação ao lançamento de ganho de aluguéis e capital. Outra questão recorrente foi se a declaração deve ser entregue de forma unificada por casais. “É aconselhado fazer a declaração separada nestes casos”, orientou o contador.

De acordo com Vitorino, as pessoas que têm dúvidas sobre o assunto devem buscam a orientação de um profissional contábil para fazer a declaração de forma correta. “Os contribuintes desconhecem algumas informações. Muitos deixam para fazer a entrega da DIRPF na última hora e, por desconhecerem todo o processo, caem na malha fina, resultando no cancelamento do CPF e do título de leitor, por exemplo. Por isso, é fundamental o papel do contador, que é o profissional especializado neste assunto”, finalizou.

Este foi o primeiro ano que o contador Marlon do Amaral, do escritório Servant, de São José dos Pinhais, participou de forma voluntária da campanha e saiu satisfeito com seu trabalho social. “É extremamente importante uma ação como esta, pois as pessoas ainda têm dúvidas no preenchimento da Declaração do Imposto de Renda. E, muitas vezes, por não consultarem um profissional contábil, acabam cometendo erros que os levam ao pagamento de multas ou de retificação do processo, e isso é um custo também para o Estado”, descreveu.

Gilberto Quadros é professor universitário da PUC-PR, instituição parceira da campanha Declare Certo, e participa há vários do atendimento levando, inclusive, seus alunos para manterem contato direto com os contribuintes. “É mais um aprendizado para o aluno, porque ele tem contato direto com as dúvidas dos contribuintes. Surgem perguntas fáceis e difíceis e ele precisa saber explicar. O aluno sai diferente e até mesmo agradecido por ter participado desta experiência”, definiu Quadros.

A campanha tem o apoio da Receita Federal do Brasil, da Fenacon, do Conselho Regional de Contabilidade (CRC-PR), Sicontiba (Sindicato dos Contabilistas), da Federação dos Contabilistas do Paraná (Fecopar), do Hospital Pequeno Príncipe, das universidades PUC-PR, FAE, entre outras entidades.

Prazo

O prazo final para envio da Declaração do Imposto de Renda – Pessoa Física 2017 é 28 de abril. No Paraná, a expectativa é de que 1,8 milhão de declarações sejam enviadas à Receita Federal, mas, até esta sexta-feira, dia 31, o número de declarações entregues é de 403.700 mil, o que equivale a apenas 22,4% do total. Em todo o Brasil, são esperadas 28,3 milhões de declarações, sendo que apenas 6.823 milhões foram entregues.

Portal Declare Certo

Outras informações sobre a Declaração do Imposto de Renda estão reunidas no Portal Declare Certo, desenvolvido pelo SESCAP-PR. O espaço reúne notícias, vídeos explicativos, curso on-line exclusivo para empresários contábeis associados, além da relação de empresas participantes da campanha. O site visa ampliar a tradicional campanha de orientação gratuita sobre o preenchimento da declaração anual.

Acesse: http://www.sescap-pr.org.br/declarecerto.